Publicidade

Colunas

Cuidando da minha saúde mental em tempos de pandemia

quarta-feira, 27 maio de 2020.

A psicóloga Marília Frost atende no Instituto Urbano – CRP 08/26684

Para começarmos a pensar em como manter uma boa saúde mental, precisamos compreender o que significa ou a que se refere o conceito de “saúde”.  A Organização Mundial de Saúde (OMS) define saúde como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não somente ausência de afecções e enfermidades”, ou seja, diferente do que o senso comum pensa, ter saúde não significa ter apenas a ausência de doenças.

Olhando a partir dessa perspectiva, você pode até encontrar-se adoentado e ainda sim ser saudável de alguma maneira. Estar em um estado de completo bem estar físico, mental e social envolve diversos aspectos. Podemos até concordar que nesse momento de pandemia, jamais poderíamos dizer que temos um completo bem estar não é mesmo? Afinal, a nossa sociedade está adoecida, e não só em termos virais. Mas também é verdade que em meio a uma nova doença podemos encontrar novas formas de “saúde”.

Quanto tempo você tem podido estar a mais em sua casa, fazendo coisas em família que talvez não tivesse tempo antes? Veja bem, não há problema algum em você estar mais ansioso(a) nesses dias incertos, não há problema algum você sentir medo, não há problema algum você não saber como lidar com tudo isso, pois esses são comportamentos e sensações mais do que naturais diante de algo novo e que gera em nós a sensação de perigo.

Seu corpo fisiologicamente vai responder assim, é natural. Quanto mais você entender isso, menos ansioso ficará. Isso não significa que você está adoecendo, apenas significa que está vivo e consciente da situação que o mundo enfrenta.

Enquanto isso, foque naquilo que verdadeiramente você pode controlar e fazer, não na forma como se sente, mas na forma como decide lidar com o que sente. Se está mais ansioso(a), procure uma atividade prazerosa e possível para realizar nesses dias, onde você poderá desprender mais energia do seu corpo, desacelerando seu organismo. Se está mais inseguro(a), tente-se lembrar de coisas, pessoas e situações que te trazem segurança, tente encontrar e desenvolver uma nova segurança, faça e realize coisas que te mostrem que você também é capaz e digno de oferecer segurança também.

Por fim, se julgue menos e se acolha mais. Tudo vai passar, mas você continuará tendo que viver com você mesmo, por isso, aproveite para redescobrir o prazer de estar com você, de ser você.

Marque um horário no Instituto Urbano pelos telefones (44) 3522 4191 ou 92000-4591 e conheça todos os procedimentos.

Acompanhe as colunas do Instituto Urbano acessando o link: https://tribunadaregiao.com.br/colunas/colunista/instituto-urbano

 

Comentarios

Publicidade
domsegterquaquisexsáb
     12
24252627282930
31      
28      
       
      1
       
     12
2425262728  
       
      1
3031     
     12
24252627282930
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
25262728293031
       
    123
18192021222324
25262728   
       
 123456
78910111213
21222324252627
28293031   
       
     12
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
       
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
       
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
       
      1
9101112131415
23242526272829
3031     
    123
252627282930 
       
 123456
14151617181920
21222324252627
28293031   
       
      1
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
   1234
567891011
       
   1234
12131415161718
19202122232425
262728    
       
293031    
       
    123
11121314151617
       
  12345
13141516171819
27282930   
       
      1
23242526272829
3031     
    123
18192021222324
252627282930 
       
28293031   
       
   1234
567891011
       
     12
3456789
17181920212223