Publicidade

Colunas

FOCO NO FOCO DO DIA… OU… NO PALCO, A CÂMARA MUNICIPAL!

quinta-feira, 5 maio de 2016.

 

pavão

Não sei o que fala o estatuto da Câmara sobre isso, mas…

Sem querer desmerecer o trabalho de cada vereador em seu cotidiano, há uma situação com a qual não consigo concordar…

Voltando ao passado (para mostrar que isso não é de hoje), no dia em que me fizeram uma homenagem, honrando-me com o título de “Cidadã Benemérita”… lá estava ela: a indefectível “sessão da Câmara”, em que assuntos eram tratados como se fosse uma sessão comum e todos os presentes ali tivessem comparecido para ouvir aquelas pautas.

Foi assim no dia da mesma homenagem ao Dr. Nelson, quando lhe deram o título de “Cidadão Honorário”… o mesmo na de meu marido, que recebeu o mesmo título que ele… foi assim numa homenagem aos professores… enfim, em tantas ocasiões que nem me lembro mais.

Na noite de 3ª feira, dia 05/04, o ator Donizete Mazonas foi homenageado com a entrega do título do Mérito Artístico e Cultural. Aí dizem que a coisa foi feia, porque todos os que compareceram para prestigiá-lo, além de outras pautas, foram obrigados a presenciar uma enorme, polêmica, sobre o tal terreno da COODETEC pela Prefeitura. Quando soube disso, um grupo contra se mobilizou e foi até à Câmara até com faixas, para pressionar e os vereadores contra, e se inflamaram, virando uma enorme confusão, obrigando o homenageado e os presentes por causa dele a assistirem a todo aquele tumulto. Até a promotora Juliana Weber foi acompanhar a sessão por causa do assunto polêmico. Já vi até o meu amigo Pedro Marques fazendo também uma observação reclamando sobre esse problema… (Se quiserem ter uma ideia, acessem o link abaixo, para verem o tanto de coisas que foi tratado antes da homenagem).

A mais recente acredito que tenha sido a homenagem aos pioneiros, no dia estipulado ao dia deles. Ou melhor, pelo Dia do Pioneiro, 21 de abril, mas em sessão realizada no dia 18. Além da sessão ordinária, colocaram uma sessão extraodinária e por último a sessão solene, obrigando os pioneiros a ficarem todo aquele tempo esperando começar a sessão que interessava. Nessa eu estava… não foi ninguém que me contou.

Eu acho isso uma tremenda falta de respeito! Ainda mais quando se trata de pioneiros, que são pessoas idosas, acostumadas a dormirem cedo, e que não têm mais estrutura para ficarem horas sentadas, imobilizadas, “acordadas”! Ponham uma coisa na cabeça: quem comparece em sessões assim vai POR CAUSA DO(S) HOMENAGEADO(S), não para ver a atuação de ninguém. E se sente traído quando se vê preso nessa armadilha de ser obrigado a ouvir se quiser prestigiar a pessoa por quem tem consideração!

E o que se vê, chega a ser irritante: cada vereador querendo aparecer mais que o outro – todos colocando seus projetos, suas explicações… todos visando às próximas eleições.

Eu entendo também que fazem isso por causa da absoluta falta de plateia nas sessões da segunda-feira. Nós, cidadãos, não cumprimos nossa missão de acompanhar o trabalho deles. Estamos errados – e nisso me incluo. Mas não será também porque é insuportável ficar vendo aquelas exposições, sobretudo as discussões entre eles que, no fundo não passam de posições partidárias? Por que não transmitem mais pelo rádio, como foi feito há alguns anos? Seria uma maneira mais confortável e democrática para quem quisesse estar a par do que vai por ali… Mas…

… existe uma Regra Universal Número 1 da Humanidade: TODO MUNDO QUER APARECER. Todo mundo. Sem exceções. A única coisa que muda é o público alvo. Isso é que estraga, porque esse fato fica melhor e mais normal quando se trata de artistas… esses, sim, preparam o seu espetáculo tão somente para exibirem-se a uma plateia e serem aplaudidos por isso.

Não seria a hora de repensarem esse problema e, se for o caso – não sei, não conheço… – modificarem os estatutos da entidade?? Colocar o foco no que as pessoas convidadas acreditam que seria o foco do dia (ou da noite, como queiram…)??

 

http://www.controlemunicipal.com.br/inga/sistema/arquivos/12050/110416151204_ata_da_17ordf_reuniao_da_9ordm_sessao_extraorinaria_pdf.pdf

 

RECADINHOS:

 

1) ACABEI ME DECIDINDO PELO TÍTULO “LABAREDA” PRINCIPALMENTE POR UM COMENTÁRIO DA MINHA AMIGA CÉLIA NEGRÃO QUE, ENTRE OUTRAS COISAS, DISSE: “LABAREDA VOCÊ JÁ É!”. rsrsrs! OBRIGADA, CÉLIA!

 

2) GOSTARIA MUITO QUE VOCÊS SUGERISSEM ASSUNTOS – PRINCIPALMENTE OS DE NOSSA CIDADE – PARA ESTA COLUNA…

Comentarios

Publicidade
domsegterquaquisexsáb
     12
17181920212223
24252627282930
31      
28      
       
      1
       
     12
2425262728  
       
      1
3031     
     12
24252627282930
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
25262728293031
       
    123
18192021222324
25262728   
       
 123456
78910111213
21222324252627
28293031   
       
     12
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
       
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
       
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
       
      1
9101112131415
23242526272829
3031     
    123
252627282930 
       
 123456
14151617181920
21222324252627
28293031   
       
      1
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
   1234
567891011
       
   1234
12131415161718
19202122232425
262728    
       
293031    
       
    123
11121314151617
       
  12345
13141516171819
27282930   
       
      1
23242526272829
3031     
    123
18192021222324
252627282930 
       
28293031   
       
   1234
567891011
       
     12
3456789
17181920212223