Publicidade
Publicidade

Notícias

Caso de Polícia

quarta-feira, 25 janeiro de 2017.

DESACATO: Em data de 23 de janeiro de 2017, por volta das 15h45min, a equipe da Polícia Militar realizou abordagem de L.B.M.L, 21 anos, que recentemente, em redes sociais (facebook), fez comentários ofensivos aos Policiais Militares que realizaram a apreensão de duas motocicletas.
Nos comentários postados em rede social, L.B.M.L fez o seguinte comentário “e nada man. não acredito. pego o bang ontem :/ ses verme tao de piadinha”, fazendo referência aos policiais que atuaram na apreensão da motocicleta.
Diante dos fatos, L.B.M.L foi detido e encaminhado para a Delegacia Regional de Polícia, para os procedimentos legais cabíveis. No celular de L.B.M.L foram encontradas fotografias do dia da abordagem e apreensão das motocicletas, conforme citado anteriormente, bem como foto do Policial Militar. Indagado o porque e qual o objetivo das fotos, L.B.M.L relatou que D.H.L enviou pelo whatsapp, fazendo diversas chacotas.
POSSE IRREGULAR DE ARMA DE FOGO: Por volta das 19h05min a equipe da Polícia Militar foi solicitada a comparecer nas residência, de A. B. que relatou que teve um desentendimento com seu pai P. S. B., sendo que, em outras oportunidades que acabou discutindo com seu pai o mesmo pegava uma arma de fogo “garrucha” e apontava ameaçando atirar em A. B. Temendo que seu pai faria novamente, pegou a arma e jogou em uma fossa, em seguida chamou a equipe Policial que lavrou o boletim, sendo que a referida arma não foi localizada no momento pois estava em local de difícil acesso. Posteriormente A. B. conseguiu recuperar a arma da fossa sanitária e acionou a equipe da PM para fazer a entrega da mesma. Diante dos fatos foi realizado diligencias no intuito de localizar o senhor P. S. B., suposto proprietário da arma irregular, sem obter êxito. A arma de fogo juntamente com uma munição calibre .38 intacta foi entregue na Delegacia para procedimentos cabíveis.
FURTO (1): Por volta das 09h30min a equipe da PM foi solicitada a comparecer na Rua Castro Alves, nº 217, onde a PM J.M.S., relatou que está construindo uma residência nesse endereço, e que a última vez que esteve no local no dia, por volta das 18h30min, ontem ao retornar constatou que haviam furtado de seu interior seis (06) vidros blindex de cor verde e uma (01) folha da janela de vidro incolor do jardim de inverno. Os produtos estavam no interior da residência. Ainda segundo a vítima dias atrás haviam furtado uma porta de madeira de 2,10 x 0,80 que era onde dava acesso aos produtos que ficavam guardados.
FURTO (2): Por volta das 22h10min à equipe PM deslocou na Rua Barbosa Ferraz, Jardim Curitiba, onde em contato com a solicitante a senhora M.F. que relatou ser vizinha do numeral citado acima onde a mesma ouviu barulhos na porta dos fundos e viu dois indivíduos saindo do quintal, um deles trajando uma blusa branca com listas vermelhas em uma motocicleta vermelha. No local a equipe adentrou ao quintal da residência e constatou que a porta dos fundos estava arrombada, em seguida entrou em contato com a proprietária da residência, N.F.S., que adentrou a residência e percebeu que haviam subtraído R$300,00 em espécie, que estavam na estante da sala.
FURTO (3):Por volta das 03h00min a equipe RPA foi solicitada pelo Senhor P.F.M. que relatou a equipe, que o mesmo se encontrava em um bar na Av. Tiradentes esquina com a Av. Dario Moreira, e em dado momento entrou em discussão com dois indivíduos que disse não conhecer. Em seguida foi agredido quando tentava sair do local em sua motocicleta Honda/CG 150 placa AQS-5526 de cor vermelha; que a vitima ao sofrer as agressões se evadiu do local e abandonou moto. No momento da chegada da equipe da Polícia Militar a motocicleta não se encontrava onde a vítima havia deixado.A vítima. estava aparentemente embriagada e não soube explicar o motivo das agressões e quais foram as pessoas que o agrediu, tendo o mesmo sido orientado.
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA:Por volta das 12h50min compareceu ao DPM de Moreira a Senhora P.S., 26 anos, residente na Rua Ferdinando Adamo, nº 670, relatando que na segunda aproximadamente às 22h00min, estava na lanchonete Casa Nova, quando seu namorado R.M., 29 anos, se aproximou com uma cadeira na mão e jogou-a em P. Em seguida a vitima foi embora para sua residência; onde por volta das 04h50min, R. arrombou a porta, adentrou e começou a ameaçá-la, dizendo que iria mata-lá, também a agrediu com socos na cabeça, causando hematomas. Em seguida pegou uma faca e tentou desferir golpes contra a mesma, porém ela conseguiu se desvencilhar e saiu do local. A equipe esteve no local da ocorrência e não logrou êxito em localizar o autor da agressão. Posteriormente por volta das 18h00min P. solicitou a presença policial, onde relatou que o autor foi até sua casa, a pegou-a pelo pescoço e desferiu um soco em seu rosto e ainda a agrediu duas vezes com um facão de corte de cana, causando hematomas na região lombar. Na busca, a PM localizou R.M na Rua Jose Gonçalves Campos, onde recebeu voz de prisão, sendo necessário algemá-lo. Foi encaminhada para 14° DRP de Goioerê.
AGREDIU A MÃE: Conforme solicitação da pessoa de L.V, a equipe da PM deslocou até endereço citado e em contato com a solicitante que alegou seu filho, a pessoa de Leandro V.S, descumpriu os termos impostos da medida protetiva (“Maria da Penha”). Diante dos fatos, no momento da chegada da equipe, Leandro já havia se evadido do local. A equipe realizou buscas nas imediações com intuito de encontrar o elemento, porém não logrou êxito. Registra-se ainda, que Leandro arremessou um livro em direção de sua mãe vindo a atingi-la. Perante o exposto, a noticiante deseja representar em desfavor de Leandro, que já praticou diversas agressões contra a própria mãe. No momento em que a equipe da PM registrava o boletim, Leandro voltou em visível estado de embriaguez alcoólica até a residência de sua mãe e continuou a importuná-la com tais atitudes, inclusive quebrando os vidros de uma das janelas da casa. A equipe retornou até o local onde deu voz de prisão a Leandro e o encaminhou até a 14ª D.R.P. para os procedimentos de policia judiciária pertinentes ao caso.

Comentarios

Publicidade
domsegterquaquisexsáb
     12
17181920212223
24252627282930
31      
28      
       
      1
       
     12
2425262728  
       
      1
3031     
     12
24252627282930
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
25262728293031
       
    123
18192021222324
25262728   
       
 123456
78910111213
21222324252627
28293031   
       
     12
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
       
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
       
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
       
      1
9101112131415
23242526272829
3031     
    123
252627282930 
       
 123456
14151617181920
21222324252627
28293031   
       
      1
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
   1234
567891011
       
   1234
12131415161718
19202122232425
262728    
       
293031    
       
    123
11121314151617
       
  12345
13141516171819
27282930   
       
      1
23242526272829
3031     
    123
18192021222324
252627282930 
       
28293031   
       
   1234
567891011
       
     12
3456789
17181920212223