Publicidade
Publicidade

Notícias Polícia

Vingança. Duas casas foram incendiadas em Jesuítas

terça-feira, 15 setembro de 2020.

 

No final de semana, a equipe da Polícia Militar de Jesuítas, foram até a Rua São Paulo n° 230, bairro Cristo Rei, onde estava ocorrendo um incêndio. Com a chegada no local foi constatado que a residência incendiada é de propriedade do rapaz acusado de ser autor do homicídio na tarde desta sexta-feira (11) em Jesuítas.

Foi acionado a Defesa Civil de Assis chateaubriand para a contensão do incêndio. Em conversa com populares, foi relatado que, um homem teria ateado fogo na residência e saiu tomando rumo ignorado. Diante disso foi realizado os procedimentos pertinentes, mas ninguém foi localizado.

O segundo incêndio foi neste sábado (12) na Rua Papa Pio Onze,582, às 12h.

Os policiais receberam informação de uma residência pegando fogo e de imediato foi deslocado até o local e constatado o fato. Vizinhos da residência incendiada informaram a equipe que viram um rapaz, a mesma pessoa suspeita de atear fogo na casa da madrugada, saindo da casa em chamas. Diante dos fatos, a equipe realizou as buscas pelo suspeito, mas novamente não foi localizado. A Defesa Civil de Assis Chateaubriand foi de novo acionada para combater o incêndio. As duas casas estavam inabitadas.

A Polícia Civil, através da Delegada Dra. Amanda Macedo, comarca de Formosa do Oeste, instaurou inquérito para apurar se as denúncias são realmente verdadeiras em relação ao homem visto ateando fogo nas duas casas. Os imóveis são dos familiares do rapaz acusado de atirar e matar Rones se Mello, 33, na tarde desta sexta-feira (11) e que ainda segue foragido. (portaloregional)

MOTIVAÇÃO DO INCÊNDIO. Foi o crime que ocorreu na última sexta-feira (11), onde Jones de Melo foi vítima de disparos de arma de fogo, onde não resistiu e faleceu.

SE APRESENTOU. Na tarde de ontem, segunda-feira, 14, o autor do crime, acompanhado pelo advogado, se apresentou na delegacia de Formosa do Oeste, pois já havia contra ele um mandado de prisão.

Também ao se apresentar, levou a arma utilizada no crime.

O caso ainda segue sendo investigado, por conta que três residências também foram incendiadas no final de semana, como forma de retaliação.

Os trabalhos de investigação estão nos cuidados da delegada Amanda Macedo Ribeiro.

Publicidade
domsegterquaquisexsáb
  12345
27282930   
       
      1
       
     12
2425262728  
       
      1
3031     
     12
24252627282930
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
25262728293031
       
    123
18192021222324
25262728   
       
 123456
78910111213
21222324252627
28293031   
       
     12
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
       
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
       
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
       
      1
9101112131415
23242526272829
3031     
    123
252627282930 
       
 123456
14151617181920
21222324252627
28293031   
       
      1
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
   1234
567891011
       
   1234
12131415161718
19202122232425
262728    
       
293031    
       
    123
11121314151617
       
  12345
13141516171819
27282930   
       
      1
23242526272829
3031     
    123
18192021222324
252627282930 
       
28293031   
       
   1234
567891011
       
     12
3456789
17181920212223