Publicidade
Publicidade

Notícias

Jovem que confessou aborto presa em flagrante está internada

quarta-feira, 25 março de 2020.

O bebê foi sepultado na tarde de ontem em Janiópolis pela família da jovem

O delegado Nilson Rodrigues prendeu em flagrante a autora do bárbaro crime de infanticídio

      Esta internada em um hospital de Campo Mourão, a jovem acusada de infanticídio, crime registrado na noite de domingo no Hospital de Janiópolis, quando após fazer o próprio parto no banheiro do hospital, colocou o feto no cesto de lixo do banheiro.

     A jovem, uma psicóloga recém formada, de 23 anos, após ser ouvida na Delegacia de Campo Mourão, foi presa em flagrante por infanticídio, pelo delegado Nilson Rodrigues. Logo após ser autuada a jovem passou mal e foi internada em um hospital de Campo Mourão.

     O delegado Nilson Rodrigues afirma que a pena para o crime pode variar de 2 a 6 anos de prisão.

     NO LIXO. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, no domingo, 22, durante a limpeza do banheiro do hospital, uma funcionária se deparou com muito sangue no chão, e ao retirar o lixo percebeu que o saco estava um pouco pesado. Mas, não olhou para ver o que era.

     Na manhã de segunda-feira, por volta das 7h, essa mesma funcionária resolveu abrir o lixo e encontrou o corpo do recém-nascido.

     SEPULTAMENTO. Após um rápido velório, realizado na tarde de terça-feira, 24, aconteceu o sepultamento do bebê no cemitério de Janiópolis.

     O delegado Nilson Rodrigues, afirmou que a jovem – autora confessa do aborto – vai responder por esse crime, uma vez que não se sabe se a criança nasceu morta ou se estava viva. O laudo médico do Instituto Médico-Legal deve revelar essa informação, citou o delegado.

     Em depoimento que prestou na Delegacia de Campo Mourão, a jovem não disse se estava tomando algum remédio abortivo e nem quem seria o pai da criança. Conforme o delegado a jovem estava de 37 semanas de gestação.

     REPERCUSSÃO. O caso registrado continua repercutindo intensamente em Janiópolis, uma vez que envolve uma jovem psicóloga de família tradicional e diretamente ligada à comunidade católica.

Entenda o caso

Jovem psicóloga de Janiópolis teria praticado infanticídio

 

Publicidade
domsegterquaquisexsáb
293031    
       
      1
       
     12
2425262728  
       
      1
3031     
     12
24252627282930
       
  12345
2728293031  
       
2930     
       
    123
25262728293031
       
    123
18192021222324
25262728   
       
 123456
78910111213
21222324252627
28293031   
       
     12
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
       
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
       
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
       
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
       
      1
9101112131415
23242526272829
3031     
    123
252627282930 
       
 123456
14151617181920
21222324252627
28293031   
       
      1
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
   1234
567891011
       
   1234
12131415161718
19202122232425
262728    
       
293031    
       
    123
11121314151617
       
  12345
13141516171819
27282930   
       
      1
23242526272829
3031     
    123
18192021222324
252627282930 
       
28293031   
       
   1234
567891011
       
     12
3456789
17181920212223